Sem categoria

Lutando contra a ansiedade

Brigar contra a ansiedade já passou a fazer parte da minha vida. Acordar com coração acelerado e ter que contar a respiração umas mil vezes até se acalmar, ficar pensando em “besteiras” até que falte o ar e depois ter que controlar o pensamento e focar no agora, estar o dia inteiro em “estado de alerta”, como se algo horrível fosse acontecer a qualquer momento.

Isso é algo muito DESGASTANTE! Um sentimento muito peculiar, extremamente difícil de lidar, que às vezes me dá desespero, vontade de me “descabelar” hahah… Sabem como é isso?

Nossa, não é nada fácil!

A “vantagem” disso tudo (se é que posso dizer assim), é que, em diversas ocasiões, consigo manter o controle e até mesmo “esquecer” daquilo que me angustia. Umas vezes é difícil, outras se torna algo fácil, simples, e consigo passar uns bons meses sem aquilo me perturbando, até que tudo retorna de novo, e a luta continua.

Considero que tudo o que acontece com a gente no mundo tem uma vantagem, uma lição a ser aprendida, e com isso não é diferente. Pra mim, acho que isso tem grandes chances de ser algo com que terei que lidar toda minha vida, por isso estou sempre procurando “novas maneiras” de lidar, de vencer, de contornar essa ansiedade. E, acho, estou até me saindo bem! Não sei por quanto tempo a “crise da vez” vai durar, mas sei que estou me esforçando diariamente para me manter calma e positiva, então, queria registrar esse desabafo aqui, pras pessoas que também enfrentam isso, pra quem acha impossível não surtar, porque, sério, o que NÃO PODEMOS FAZER NUNCA É NOS ENTREGAR A ALGO QUE NOS FAZ MAL. Isso é um mandamento de vida pra mim!

E como amo muito vocês hahah, e pra deixar um recadinho pra mim mesma nos momentos mais “punk”, aqui vão algumas “fórmulas” que uso quando estou numa fase ansiosa da vida, e que dão super certo comigo! Boa sorte pra nós!

1. Meditação e controle da respiração – Meditar sempre foi uma peça chave pra enfrentar a ansiedade. Quando não consigo dormir, quando estou com falta de ar ou com coração acelerado, gosto de parar o pensamento, e me focar apenas na respiração.

2. Manter a mente ocupada – Isso é bom pra melhorar MUITO a vida diária. Pra gente não ficar “pensando em besteira”, precisamos nos manter ocupadas com coisas boas. Leia, ouça música, cozinhe, o importante é não deixar a mente vazia.

3. Tomar chá de camomila, água com açúcar, etc – Tem umas bebidinhas que tomo quando estou “surtada” hahah… Pra aqueles momentos em que estou mais nervosa, tremendo mesmo, sentar e tomar um chá bem devagar exerce um efeito bem calmante.

4. Me divertir ou ter um momento bem relaxante durante o dia – Durante a noite, quando Davi vai dormir, aproveito para fazer algo relaxante. Tomar um vinho, olhar as estrelas, ver um bom filme, fazer coisas positivas pra que eu possa dormir mais tranquila…

5. Escrever e mentalizar coisas positivas – O ruim da ansiedade é que ela nos torna pessoas negativas e temerosas por um futuro que pode nem acontecer. Então, para quebrar esse ciclo, nada melhor do que a POSITIVIDADE! Procuro sempre me manter positiva, pensar em coisas boas, e entender que aquilo é coisa da minha cabeça, nada mais!

Espero que tenha ajudado quem está na mesma situação que eu, e esteja me ajudando também a superar mais essa fase!

No mais: FIGHTING! (Lutando, nunca desistindo, ok?)

fighting-korean

Xêro Grande!

Anúncios

8 comentários em “Lutando contra a ansiedade

  1. As vezes eu tento vencer com lógica…. Se é algo que eu sei o porque tá me fazendo mal, eu começo a pensar em como minha mente pode destruir aquilo… E quando eu não sei, começo a argumentar comigo mesma que não tem lógica sofrer ou pensar em algo que nem sei se existe. De vez em quando funciona, mas é hard, rs

    Curtido por 1 pessoa

    1. Bibi, estou numa fase bem difícil… Terminei de tomar medicação, mas depois de umas semanas voltou tudo de novo, fico meio sem saber o que fazer… É chato, porque queria outro filho, então não queria tomar mais medicação, mas penso que não tenho estrutura emocional pra ter outro bebê assim… Fico triste, mas estou fazendo de tudo pra não cair na “bad”…
      Aceito uma opinião tua a respeito!
      Xero

      Curtir

      1. Ai, Mari. Todo remédio que a gente toma constantemente e para deixa um rastro de alguma coisa, é normal. Eu tomava antidepressivo até mês passado (ou o outro ainda, não lembro) e quando parei de tomar deu todo tipo de desânimo possível. Mas passa! E sei lá, acho que não existe uma resposta certa pra isso, porque depende muito de cada um, mas eu sei que apoio de pessoas que você ama SEMPRE ajuda. Eu não tenho respostas, mas eu estou aqui pra você a qualquer momento que precisar desabafar, conversar ou falar besteira pra rir. ❤ E pode ter certeza que vai passar. Nenhuma situação, boa ou má, dura pra sempre. Vai passar! ❤

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s